quinta-feira, 28 de setembro de 2017

REDE DE COMUNICAÇÃO DO POLICIAL

PF COMBATENDO A CORRUPÇÃO - Em mensagem vazada, Lúcio Vieira chama de “sacanagem” operação da PF

Retornando às atividades parlamentares e políticas após a prisão do irmão Geddel Vieira Lima, o deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB) teve suas mensagens vazadas de um aplicativo de mensagens. O parlamentar prestava solidariedade ao senador Romero Jucá (PMDB-RR), que teve filhos e enteados como alvos da Polícia Federal, em operação nesta quinta-feira (28).
Na mensagem, Lúcio chama de “sacanagem” a ação dos policiais. “Essa sacanagem é em função do caso de Aécio para inibir o Senado, são indignos, não tenho poder em ajudar em nada, mas ao menos quero retribuir o carinho paternal que você tem dedicado a mim e sou grato. Qualquer coisa estarei em Brasília direto! Abraços e dá um beijo na minha amiga Tereza”, escreveu.
Na manhã de hoje, a PF deflagrou uma operação em Boa Vista (RR) para investigar Marina e Rodrigo Jucá, filhos do senador Romero Jucá (PMDB-RR), e Ana Paula e Luciana Surita, enteadas dele e filhas da prefeita da capital roraimense, Teresa Surita. Todos são alvos de mandados de busca e apreensão e condução coercitiva.
A Operação Anel de Giges apura a atuação de uma organização criminosa acusada de peculato, lavagem de dinheiro e desvios de verbas públicas. Os mandados são cumpridos em Boa Vista, Belo Horizonte e Brasília. A defesa de Jucá afirma que o senador não está entre os investigados.
Bocão News

REDE DE COMUNICAÇÃO DO POLICIAL

Escrito por REDE DE COMUNICAÇÃO DO POLICIAL

HOSPITAL JUAZEIRO

HOSPITAL JUAZEIRO

CLINICA VALE SAÚDE

INTERNET VIT. DA CONQUISTA

INTERNET SIMÕES FILHO