SALVADOR / BA - Acusado de matar cantor confessa crime, mas Justiça nega prisão temporária


Após ser preso por policiais o Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Andrei Jesus dos Santos, de 22 anos, acusado de participar da morte do cantor e compositor, Felipe Yves, confessou o crime, na manhã desta quinta-feira (9), conforme informações obtidas pela reportagem do Bocão News
 
Conhecido com Lacoste, o acusado foi capturado nesta quarta (8), juntamente com um adolescente de 17 anos, que também teve participação no caso. Eles prestaram depoimento logo depois de terem sido encontrados. Andrei teve a prisão temporária pedida pelo DHPP, mas o pedido foi negado pela Justiça, que alegou falta de prova material e/ou laudos comprobatórios. 
 
No entanto,com o adolescente, segundo a polícia, foi apreendido um revólver, calibre 38, que foi encaminhado ao Departamento de Polícia Técnica (DPT), para ser periciado e verificar se foi a arma usada no crime. Enquanto isso, o acusado, que tinha sido encaminhado para o Complexo Policial da Baixa do Fiscal, foi levado para um audiência de custódia nesta quinta. Já o adolescente foi levado para à Delegacia do Adolescente Infrator (DAI).
 
Crime
O corpo de Felipe foi encontrado na segunda-feira (6), com o pescoço semi degolado e uma marca de tiro no braço em uma localidade conhecida como Independência, no bairro da Boca da Mata, na capital baiana. Felipe estava desaparecido desde a noite de domingo (5). Segundo os familiares, ele estava na casa da mãe quando recebeu uma ligação, por volta das 22h, e saiu. O corpo dele só foi encontrado no início da tarde de segunda-feira, e na terça-feira (7) identificado pelos parentes.
Bocão News

Escrito por REDE DE COMUNICAÇÃO DO POLICIAL

Seu Portal informativo, aqui você bem informado.